quarta-feira, 31 de julho de 2013

Pretiando assim:
Tudo se recicla... Só minh'alma insiste em apegar-se ao que já não me traz serventia...

(Satine Lefevre)

segunda-feira, 29 de julho de 2013

"Imploro-me resignação em fé"

Pretiando assim:


"Imploro-me que constitua resignação em fé para todas as possibilidades  que semelham remotas' dentro do eu de mim. Abrevio um esperançar de vontades para recomeçar o caminho de caminhante do caminho caminhado de florejar o conviver  com o tudo e o nada  de conviver a cada dia, logo"
Irane Castro
São Luís - Maranhão: Minha Ilha do Amor.





 

"....vontades ainda, de esperançar um mundo melhor.....

"Bojar no eu de mim  o decompor do tudo e do nada pelo caminho de caminhante do caminho caminhado floreando a semente de todos encantos desvelado no ontens  em    hoje’s com quimeras de lindas manhas e manhãs cheias de sólidas permanências em mudanças legítimas de conviver e ainda  o arquitetar  de um  agora  enchido de  vontades de ainda, esperançar  um mundo melhor, imediatamente."
Irane Castro
Segunda-feira, 29-07-2013
São Luís - Maranhão: Minha Ilha do Amor.
 

...escavacar canteiros de paz, em hoje's!""

"...escavacar canteiros no eu de mim.
Para plantar uma beleza que enfeite o dia hoje.
Porque a gente deve se cercar é de coisas boas.
Do que faz festa na alma e colore o coração.
De tudo e do nada.
Em vontades de recomeçar.
Com fé cada dia, imediatamente".
Irane Castro
Beco da Preta
Segunda-feira, 29-7-2013
São Luís -Maranhão: Minha Ilha do Amor



"... a flor do esperançar. em hoje's!"

Pretiando assim:
"... tô  a  flor do  esperançar agora's em hoje's!"
Irane Castro
Segunda-feira, 29 de Julho de 2013
São Luís, Maranhão - Minha Ilha do Amor.

domingo, 28 de julho de 2013

"...espalhar bonitezas por onde for ..."

Pretiando assim:
"Da vida não quero muito, só poder ser quem eu sou,  espalhar bonitezas por onde for  e receber um bocado de amor!" {Anônimo}
Irane Castro.
"O eu de mim, 'da vida não quero muito, só poder ser quem eu sou, espalhar bonitezas por onde for e receber um bocado de amor!' {Anônimo}para enfeitar o tudo e o nada além de soprar um esperançar  de  recomeçar cada dia de viver feliz, o agora."
Irane Castro
Domingo, 28-07-2013
 

'... inda é possivel se vestir de leveza no meio de tanta acidez."

Pretiando assim:
"Cavoucando no eu de mim o esperançar de vontades plantar  crescer e colher inda é possível que 1a gente possa se vestir de leveza no meio de tanta acidez."[Bibiana Benites] para  florir  o tudo e o nada de cada dia"
Irane Castro
Domingo, 28-07-2013
 

sábado, 27 de julho de 2013

"...'a vida não tem marcha ré....

Pretiando assim:
“Ser anjo no mundo de hoje não significa outra coisa senão trazer a luz da diferença.” (Padre Fábio de Melo)

*Trazer a luz...
 @[397080717046569:274:Alma hippie]
"O eu de mim por cá,  florindo  o caminho de caminhante do caminho caminhado com  o jeitinho Irane de ser - maluquete e irreverente de lançar-me  'a vida não tem marcha ré e isso todos sabem...'. Pois,  carece lapidar o tudo e o nada de viver o cada dia, imediatamente"
Irane Castro
Sábado,27-07-2013
 



"... saudade do tudo e do nada do meu cantinho[....] de viver o cada dia".

Pretiando assim:

Desalojada  a outro espaço, sinto tamanha falta dos meus livros tesouros, o cheirinho dos lençóis, da maciez do colchão e travesseiros, dos  enfeites  que representa a pessoa negra que mora em mim.
Agora é de  saudade   do meu cantinho infinitamente particular  que no momento  incide em reformas de paredes-pisos e outras coisitas para embelezar o tudo e o nada do espaço de viver o eu de mim.

Ou mesmo   conviver as  lembranças do jeitinho Irane de ser maluquete e irreverente inserido  em  cada objeto, adorno, historíolas, recriadas do tudo e do nada que  autentica o  meu existir  de  cada dia - trabalho, pessoa, amigos, amor, estudo, etc.

Inda almejando estar no espaço de recriar cotidianamente,  onde  'preciso perseguir o adiante e sentir com tudo - pele, ossos e músculos.... O instante é visceral. A vida é no agora e o meu agora tá lá na frente… é pra lá que eu vou' (Erikah Azzevedo) sentir o acondicionamento de permanências em mudanças das pelejas dos  ontens em hoje's de vitórias de ainda esperançar um mundo melhor que vou florejando pelo caminho de caminhante do caminho caminhado do logo.”
Irane Castro
Sábado, 27-07-2013

sexta-feira, 26 de julho de 2013

"Sou-me 'essa moleca esquecida no vento..."

"Por cá, dentro do eu de mim sou-me 'essa moleca esquecida no vento.
De cabelo solto e pés leves.
Danço conforme a música e de amor me alimento - pra florir gratidão' (Anônimo) perante  a vida  em peleja pelo   tudo e  pelo  nada de  ser gente de alegria a cada dia, pra já."
Irane Castro
Sexta-feira, 26-07-2013

"Brasil literalmente na lama......."

Pretiando assim:
"A vergonha é tamanha diante de mais um absurdo em terra brasilis. O eu de mim por cá a tremer de raiva  diante do lamaçal ocasionado pela chuva e a soterração do dinheiro público na cidade do Rio de Janeiro.  Preteriamente, o espaço de encontro da Jornda Mundial da Juventude foi literalmente para a lama junto com a administração do evento e o nme do Brasil literalmente na lama, mais uma vez.
Meu estado de fé é independente, acredito naquilo que me faz bem no momento. Mas, dói esse derespeito pelos católicos de norte a sul do país  onde muitos recriaram sua oportunidade religiosa, financeira e pessoal, para se deslocaram para um evento de relevante  sentido de esperitualidade.
Compartilho da ideia que esse dinheiro deveria ser empregado em outras feridas públicas. Já que a Jornada foi idealizada para congratular os efeitos faraônicos dos lulapetista, pelo menos os católicos merecem respeito neste ato ecumênico.
No entanto, a falta de organização pública  é um  desrespeito para com a população. de novo,  embolsaram a verba destinada ao evento  e deslocam as pessoas para lugars  distantes, fora do roteiro e sem possibilidade de ver mais de perto o pontificio, além de  correr o risco de ser assaltado entre outras atrocidades.
A  sujeira politica  é mais um acrescimo ao lamaçal  que continua aacelerar a  profundidade do lodo governamental em terraa brasileiras  e ventiladas ao mundo. 
Até quando, isso procede??
Irane Castro
Sexta-feira, 26-7-2013 

 

quinta-feira, 25 de julho de 2013

"Dominguinhos, apenas um Tchau ...."

Pretiando assim:
Foto: Quando estou com você,
estou nos braços da paz...

Dominguinhos
"Dominguinhos, apenas um Tchau ou até logo.
Mas, mais nunca um adeus a sua poesia cantada."
Irane Castro.
Quinta-feira,25-07-2013

"Escritor tem o dom de enfeitar com palavras..."

Pretiando assim:
Foto: 25 de Julho- Feliz dia do Escritor
"25 de Julho- Feliz dia do Escritor.
O eu de mim por cá,  define o  escritor, simplesmente és pessoa das letras, palavras, silabas somadas ao  dom de enfeitar o tudo e o nada de cada dia". Parabéns!!
Irane Castro.
Quinta-feira-25-07-2013
 

quarta-feira, 24 de julho de 2013

".... afuguento-me o que entristece no agora...."

Pretiando assim:
afugentará tudo que nos entristece, deixando o caminho livre para o bem, a paz, a satisfação de viver um dia pleno. E que a receita nunca seja esquecida."
 

terça-feira, 23 de julho de 2013

"...a temperar as palavras"

"Por cá, o eu de mim  a temperar as  palavras de ontens tristonhos em hoje's de recomeçar abrilhantar o tudo e o nada do agora, logo"
Irane Castro
Terça-feira, 23-07-2013
 

"... lambubuzar-me de feliz dia por aqui!"

“...perante um cansaço intenso e   esfoliado em dores reais, o corpo grita as desventuras  presentes e constantes  do pensamento. Debruço-me na janela  reservada a mim, ainda em  tempo  de  minar amor  ao vento,  contrabalançar   um trafegar lento e sem pressa pelo  caminho de caminhante do caminho caminhado do agora em absorvente anseio de  abeirar cheganças,  aniquilando as marcas das choradeiras de ontens em  florejar hoje's de contentamentos em   experienciar o instante de vivência.
Apesar de cada pedra no caminho, ainda quero o eu de mim  a se lambuzar de vontades de recomeçar a tecer lindas manhas e manhãs no tempo do tempo de historíolas do tudo e do nada, trucidando os  abalos de cada dia, arrostando   as demoras em mutações apesar do medo, da fraqueza interna, de passos incertos, do pavor que bate a porta, acredito  nos sonhos em realidades concretas e imediatas,
Do mesmo modo, alinho o jeitinho Irane de ser - maluquete  e irreverente para  recolorir, reescrever e reinventar novos finais, empaca os inícios e meios das problemáticas individuais, somatizadas num  coletivismos de ausências de compreensão, mutismo através de passos firmes para encontrar soluções plausíveis para  amanhãs, prontamente.”
Irane Castro
Terça-feira,23-07-2013
São Luís – Maranhão (Minha Ilha do Amor)


segunda-feira, 22 de julho de 2013

"... quero-me ainda falar o que penso"



 "...vejo  no agora transfigurações das feridas sociais  decorrentes do inchaço capitalista,  do tempo de ganância do partido do governo, da imoralidade financeira com os bens públicos, desrespeito para com o ser cidadão pagador de impostos e do aceleramento da ausência governamental em todos os direcionamentos.
Quero-me ainda falar o que penso sobre o papel do estado e revolta da nação que totalmente esquecida, tripudiada, esquartejada e esfacelada diante do marketeamento do tudo vai bem, cotidianamente em  mais uma manobra de mascaramento da real para o imaginário.
Onde os  lulapetista regatearam a  Jornada Mundial da Juventude  para adocicar a exuberância de 12 anos  de poder também pela fé. Um coroamento típico de realezas católicas, sem prática e com abusividade da crença de muitos em agradecimento  as falácias faraônicas praticadas como: aumento das bolsas-escravização social,  PAC- Programas de Aceleramento  de crescimento das dividas do pobre, da lavagem do dinheiro  público  em      PPP's (Parcerias Público-Privado, quadrilhas legislativas  organizadas  para assaltar  os cofres públicos, chagas da saúde, rasgamento da ética, deseducação, abortamento da constituição, acefalia do judiciário, anomalias cidadanias, hipertrofia da fé   entre tantas coisitas mais.
Popularmente, o tiro saiu pela culatra  ou os governistas  estão pervertendo  as rédeas e/ou cabrestos sobre o populhucho,  que esperneia em brados retumbantes  por terra brasílis.   
 Mais uma vez, o eu de mim desencadeia   o  grito de pessoa política  diante de tantas mazelas envergadas e enumeradas em  palavras    definidas desenhadas  pelas  situações de precariedade, desvelamento financeiro,  da caótica politicagem,  exacerbação das chagas do tudo e do nada que acomete o brasileiro a cada dia.
Vale o agora, independente da minha crença individual no indivisivelmente  visível  de fé. Torço positivamente  por uma estadia sem maiores agravamentos à pessoa do Papa Francisco I, homem de fé, que mostrou-se corajoso em desfilar em carro aberto, provar da caoticidade do trânsito além de  prochegar por cá,  durante a  enxurrada  de manifestações por melhorias, badernagem sem propósito  e   linchagem  das barbáries econômicas-politicas-sociais-policiais-bandidagem e até mesmo religiosa  que afloram de norte a sul. 
Que  a simplicidade do pontifício sirva de ensinamentos a essa corja que mais uma vez  derramou  dinheirama  para essa visitação, esquecendo as calamidades sociais que eu-tú-nós-todos avivamos a cada instante."
Irane Castro
São Luís- Maranhão
Segunda-feira, 22-07-2013



"Papa Chicão, homem humildade de cada dia"

Pretiando assim:


"Obrigado pelas orações. Quero lhes pedir um favor. Caminhemos juntos todos, cuidemos uns dos outros, cuidem da vida, da natureza, das crianças e dos idosos. que não haja ódio, brigas, deixem de lado a inveja, não firam ninguém. Dialoguem, que entre vocês viva o desejo de cuidar uns dos outros. Deus é bom, sempre perdoa, compreende, não tenham medo Dele; é Pai, aproximem-se Dele. Não se esqueçam deste bispo que está longe e que os quer muito bem. Que Nossa Senhora os abençoe. Rezem por mim".
_______________________Papa  Francisco
Não tenho religião. Por cá, o eu de mim  ainda   experiencia uma sintonia  de  religiosidade   plantada dentro de mim  por uma tomada invisível, presente, individualista  e esplendorosa ao  divino que listo o tamanho da minha  fé com o meu jeitinho Irane de ser - maluquete  e irreverente de orar e louvar a cada dia. 
Independente do meu acreditar regozijo a distancia a Jornada Mundial da Juventude,  movimento religiosos juvenil  consagrante em participações de tupiniquins, estrangeiros em terras brasilis. Também,  parabenizo a ação jovem de evangelizar o ser gente de cada um,  despertar  o espírito adormecido pelo ter e aparecer individual pelo  inchaço capitalista além  da força de  fraternidade  num espaço corroído em  feridas sociais que batem a porta  e distorcem o crer no invisível visivelmente em praticidade.
Assevero a   figura do Papa  Chicão I,  pelo homem  que enfrenta de frente problemas  exemplificando  sabedoria, simplicidade e humildade como características marcantes de pessoa além do tempo do tempo de permanências em mudanças revitalizando o  listar dos ontens de  dificuldades em hoje's de rejuvenescer o esperançar de paz, amor para  recomeçar lindos amanhãs a cada dia, pra já  
Irane Castro
São Luís- Maranhão : Minha Ilha do amor.
Segunda-feira,22-07-2013

"Apieda-me as dores de cada dia"

Pretiando assim:

Liberto

Por muito tempo o tempo é meu professor
Eu não entendia nada e com o nada me ensinou
Que não precisamos ser agressivos como ele o agressor
Mas sim valorizar quem sempre nos valorizou

Podemos não ter tudo, mais ser o tudo de alguém
Queria eu que a novela, não fosse à novela que tem
Uns dizem que a riqueza, tem um valor também
Porém prefiro a pureza, de corações que querem o bem

Sei que posso chegar onde eu desejar estar
A história se repete se caso algo fracassar
E mesmo que o infeliz venha querer ultrapassar
O melhor de tudo mesmo; é ter a honra de lutar. 

Ronaldinh1*
Imagem: Loui Jover


*SEMANA LIBER Ronaldinh1*

Nesta Semana, nosso convidado é Diego Marcos, mas conhecido com Ronaldinh1. No ano de 2004 iniciou-se como poeta-aprendiz, com frases voltadas ao romantismo de sua e outras realidades observadas ao redor.
Sua poesia, são escritas poéticas do canto falado chamado RAP (Ritmo e Poesia). Um show!!! Ronaldinh1 é multitalento: poeta, fotógrafo, filmaker e editor. Tem um grupo de RAP conhecido como “Dê Loná”, e atua como dançarino na CIA de Danças Urbanas “Turma D’ Raiz’’. 
Mas além de tudo isto, o mais importante é que em seu coração, cabe um mundo todo, cabe todo mundo!
Bem-vindo Ronaldinh1! Dilacera!

Para mais detalhes de seu trabalho acesse:
http://www.recantodasletras.com.br/autor.php?id=129157
"Apieda-me as dores cada dia que se engole a seco diante da caoticidade reinante em  terra brasilis. Por cá, o eu de mim  a contrapesar o tudo e o nada  que bate a minha porta em vontades de ainda querer  recomeçar a esperançar o viver de agora , pra já."
Irane Castro
Segunda-feira, 22-07-2013
Irane castro
Segunda - feira, 22-07-2013

domingo, 21 de julho de 2013

"...divagando o momento de estar entre letras, leituras e livros..."

“Parabéns para você, que tem um sonho. 
Que não desiste, apesar do que falam. 
Que não se abala, apesar do medo. 
Que sente uma fraqueza interna, mas caminha com passos firmes. 
Que fica tonta, mas não desmaia. 
Que apesar de cada pedra no caminho, corre. 
Que reclama dos problemas, mas entende que a vida é feita deles. 
Que tenta entender o defeito alheio – e procura perceber os seus.” 
(Clarissa Corrêa)
"Por cá, o eu de mim  divagando o momento de estar entre letras, leituras  e livros.
Pois, 'quando nos cansamos de 'estar no chão', é hora de começar as mudanças e aprender a voar' [Crisbalbueno], entre  o tudo e o nada que bate a minha porta.
Vou-me nesta travessia  entre o real e imaginário  de estar nesse caminho de caminhante do caminho caminhado disponibilizando vontades de recomeçar a  recolorir, reinventar e reescrever as historíolas  de cada dia"
Irane Castro
Domingo, 21-07-2013
São Luís, Maranhão: Minha Ilha do .

"palavras de um olhar de novo novidade...."

Pretiando assim:
"Letras, silabas, parágrafos e páginas ajudam o jeitinho Irane de ser - maluquete e irreverente para ir por ai-ali-acolá  recolorindo, reinventando e reescrevendo  os meus ontens em lições de hoje's.
Nisto as aprendizagens para ainda querer de vontades em recomeçar a construir finais diferentes para início e meio das minhas historíolas  reais e presentes. 
Igualmente, o eu de mim a descobrir palavras de um novo olhar  de novidade do tudo e do nada de viver o agora  desenhado  pelo caminho de caminhante do caminho caminhado de encarar o viver de cada dia,  por  lindas manhas e manhãs de novos  amanhã, pra já."
Irane Castro
São Luís- Maranhão - minha Ilha do Amor, Minha Terra das palmeiras onde canta o sabiá; Meu cantinho de cada dia entre sobrados, ladeiras casarões, praias, gente e muita história.
Domingo, 21-07-2013
 

 

"iluminando meus ontens de ainda querer hoje's diferentes..."


MATURIDADE: é quando você sabe quem você é e o que você quer ... e deixa de ser “Maria vai com as outras”.

@[1230673225:2048:Scheila Azevedo Hinnah]

Via @[376350252446587:274:Sorrindo com a alma]
"O eu de mim  iluminando   meus ontens de ainda querer    hoje's diferentes  em viver lindos  amanhãs com a certeza de  permanências em mudanças, logo.
 Nesse trajeto, alinho o jeitinho Irane de ser-maluquete e irreverente  para faceirar e confrontar a realidade com habilidade que tenho e colorindo com  as cores que me convém. Vou-me rabiscando, (re) inventando, (re) criando e remendando o tudo e o nada  que bate a minha porta.
Nisto, me apodero do mundo mágico da leitura, assoalhando  sonhos, reconhecendo  lugares-pessoas, interpretando  enigmas e  disponibilizando-me para a  busca de   novos caminhos de caminhante do caminho caminhado de estar no agora.
 Já que, não posso mudar o mundo. Mas, posso meu mundo mudar - mexer-colorir de alegria, de paz, de amor, de esperançar vontades de recomeçar  muito de tudo aquilo que quiser com os conhecimentos que adquirir no ato de ler, pensar e escrever a construto de um mundo melhor, imediatamente.”
Irane Castro
Domingo, 21-07-2013
São Luís - Maranhão
Minha Ilha do Amor




"Sou-me mais uma aprendente da música da vida ...."

Pretiando assim:
"O  eu de mim  por cá, vai  com o jeitinho Irane de ser - maluquete e irreverente   equilibrando no agora  meus gestos, minhas palavras, meus silêncios, minhas dores, meus sorrisos, minhas canções,  minhas tristezas, minhas ausências, minhas perdas e minhas cheganças  pelo  caminho de caminhantes do caminho caminhado  do agora.
"Sou-me mais  uma aprendente da música da vida e do tempo   necessário a   florir  o  tudo e o nada de  viver alegremente as  lições de ontens em hoje's de  esperançar de cada dia. Pra já.
Irane Castro
Domingo, 21-07-2013 

 

sábado, 20 de julho de 2013

"Todo dia é dia do amigo...."

Pretiando assim:
"Todo dia é dia do amigo. Hoje feliz dia 'para quem sabe ser amigo de perto e de longe' ou simplesmente no momento de avivar o ser amigo, pra já"
Irane Castro
Sábado, 20.07.2013

quinta-feira, 18 de julho de 2013

"Hoje Mandela com muitos vivas aos seus 95 anos de história..."

Pretiando assim:


"Mandela, muitos  vivas  aos seus  95 anos de  história, exemplo de lutas por vida, em vida e com vida do tudo e do nada de cada dia".
Irane Castro.
"Agora o eu de mim por cá a parabenizar Mandela com  muitos vivas aos seus 95 anos de história, exemplo de lutas por vida, em vida e com vida do tudo e do nada de cada dia".
Irane Castro.
São Luís_ Maranhão
Quinta-feira, 18-07-2013

terça-feira, 16 de julho de 2013

"Reinventando o eu de mim."

Pretiando assim:
"Reinventando o eu de mim com o recomeçar do tudo e do nada do agora de  viver feliz o agora de cada dia"
Irane Castro. (Minha Ilha do  Amor)
São Luís - Maranhão
Terça-feira, 16-07-2013
 

segunda-feira, 15 de julho de 2013

"Dona chuva verdejando o agora de cada dia"

"Dona Chuva, tá boa com esse cheirinho de terra molhada, aroma de café quentinho para alegrias de uns e tristezas de muitos. Ficando o eu de mim, por cá com as benções do tudo e  do nada dessa linda  manhã verdejando   do agorade ser feliz a  cada dia....."
Irane Castro
São Luís- Maranhão (Minha Ilha do Amor)
Segunda-feira, 15-07-2013


 

domingo, 14 de julho de 2013

... nunca desanime!"



 “Regozija-me o  amanho   da Licenciatura em Pedagogia do minuto que cabe a Lídia Pollyana (minha filhota), mais uma guerreira que trilhando o caminho de caminhante do caminho caminhado de educadora  que  ainda, acredita no fazer fazendo  de  semear  inovações das velhas em diferentes práticas do ensinar  um  olhar diferente  para a educação brasileira de cada dia.
Não obstante,  aqui conclamo seu  experimento de  ontens num viandar  abarrotado de obstáculos, expressões  desanimadoras por uns , abrangência de negatividade de outros, dificuldades de sua saúde,  perdas e ganhos pessoais  entre tantos pontinhos  contrabalançados  pelo tempo e o vento de  pessoa universitária.
Foto
Percurso de 04 anos de pelejas  administradas com sabedoria,  paciência, fé e apoio familiar. Além disso, a oração para ser firme nos anseio de continuamente reiniciar hoje’s distintos    de conviver com o   tudo e o nada  de  tudo  do tudo do nada do nada  de  aprendizagens reais, concretas e  lapidadas pelo querer ser feliz no agora. Pra já.
Nunca Desanime.
O querer vale por tudo, para tudo e com tudo  para reescrever as histórias pessoais.
Escutaste tudo a tua maneira,  colocou em prática os ensinamentos e por ti chorei de  emoção  mais uma vez senti correndo em grande volume,  por minhas  veias  o ato de professorar  presente  no eu de mim que vai por ai,  aprendendo a reinventar o meu historiar  do ensinar  o tudo e o nada, além  de  algo incutido no  Clã Castro  -(consta  acentuado  número de membros) que exercem com afinco a profissão de orientar outros no buscar o seu espaço de  compreensão do mundo.
Muitos ainda podem dizer: Pedagogia. Ah! Se fosse isso ou aquilo?
O que vão dizer não importa.  Pois, o diploma tem um valor para cada um. Aqueles que te acompanham  são sabedores do teu  querer ser gente da gente em  lutas diárias,  comemoram  contigo o sabor da vitória. Batem palmas para ti. 
 No Sábado, 14-07 foi marcado pelo culto de ação de Graças na Igreja da Assembleia de Deus em agradecimento pelo trabalho de formiguinhas que chegaram ao final da primeira corrida, o diploma.
Sei, que esta é  primeira de escala de uma longa estrada.  Você conseguiu. Outros caminhos terão  que ser percorrido. Continuar  a tapar o ouvido.  Ser  surda e partir para as próxima etapa.s Basta querer.
Parabéns, neguinha linda e poderosa. Voar é a tua sina. Brilhar é a tua luz. Prossiga a ser essa gente de paz que és  em qualquer lugar.
Mais uma vez, o que me é devido ao meu jeitinho Irane de ser – maluquete e irreverente  saio por cá-ali-além-lá-acolá arrastando  o reinventar finais diferentes para os inicios e meios das historíolas  dentro de mim.
Desenhei um final feliz para minha menina, para uma neta querida  por meu eterno amado-pai, amiga de muitos, sobrinha amada e festejadas por tantos e  aplaudida por muitos .  Admirando tua graduação como a  mais uma  obra concedida diante de tamanho  contentamento agradeço ao ‘Senhor Deus’ por tamanha graça, desafios vencidos, ladeiras subidas e descidas entre lágrimas-dores-sorrisos e  aclamações para uma atriz da vida real e cotidiana."
Irane Castro
Domingo, 14-07-2013
Eu gosto do impossível,
tenho medo do provável,
dou risada do ridículo e choro porque tenho vontade,
mas nem sempre tenho motivo.
Tenho um sorriso confiante que as vezes não demonstra o tanto de insegurança por trás dele.

Sou inconstante e talvez imprevisível.
Não gosto de rotina.

Eu amo de verdade aqueles pra quem eu digo isso,
e me irrito de forma inexplicável quando não botam fé nas minhas palavras.
Nem sempre coloco em prática aquilo que eu julgo certo.
São poucas as pessoas pra quem eu me explico...

Bob Marley